Pesquisar este blog

domingo, 24 de setembro de 2017

Como se tornar um leitor?

Click no link abaixo e saiba como se tornar um leitor de sucesso. Para isso, a escolha do primeiro livro é fundamental e se deve seguir alguns procedimentos. Saiba quais assistindo o vídeo feito por Ângela Alhanati, do canal literário do Youtube "Ao sol, no quintal".

TMN COIN 12 - #L04 - O dom da amizade (Colin Duriez)


quinta-feira, 31 de agosto de 2017

História: Povos da América

Não só os indígenas habitaram a América antes dos portugueses e espanhóis chegaram ao Novo Mundo, outros povos também habitavam. Os portugueses e espanhóis estavam a procura de riquezas e dispostos a tomar a força o que buscavam. Os nativos da América foram surpreendidos com a chegada daqueles homens com costumes estranhos. 
Isolada dos outros continentes e desconhecida dos europeus do século XV, a América abrigava civilizações grandiosas, como a dos Astecas e a dos Maias, na Meso-América, e a dos Incas, no Peru. Hoje, desaparecidas, restam delas, contudo, muitas tradições e mitos. 

INCAS: Viviam na Cordilheira dos Andes, que incluía terras onde hoje é a Bolívia, Chile, Equador, Peru e Colômbia. Era constituída de algumas cidades e aldeias e viviam cerca de 15 milhões de pessoas, que falavam a mesma língua e tinham a mesma religião. A terra e a água pertenciam ao governo. As terras eram trabalhadas pela comunidade, mas era para atender o governo, pois era o governo que cedia. Principais produtos cultivados: milho, feijão, batata, tomate, goiaba, abacate e amendoim. Criavam lhamas, guanacos, vicunhas e alpacas. Em geral, nas cidades tinham um templo, armazéns para guardar comidas e vestuário (pra isso pagavam impostos), alojamentos para soldados e artesãos e edifícios administrativos. Nas aldeias, as casas eram construídas de pedra; no lugar da porta havia apenas pedaço de couro para proteger do vento, dormiam em esteiras e sentavam no chão. Foram conquistados pelos espanhóis, em 1532, no Peru, prendendo o chefe, Ataualpa. Para libertá-lo exigiram enorme resgate. Os súditos desse chefe entregaram aos espanhóis enorme quantia em ouro e prata. Só que depois que recebeu, Pizarro, comandante dos espanhóis mandou matar o chefe e conquistou Cuzco, que era a capital inca. 

MAIAS: Formou-se por volta do século IV. Ocupavam terras que hoje é a Guatemala, Honduras, El Salvador, Belize e península de Iucatã (no México). Economia agrícola. Utilizavam processo de irrigação. Acreditavam que os governantes eram representantes dos deuses. Governo unificado. Viviam em cidades independentes umas das outras. Não tinham muralhas nem fortificações. Destacaram-se na matemática e na astronomia. Para apaziguar os deuses construíram pirâmides e realizavam sacrifícios. Os templos maias eram construídos no alto das pirâmides em degraus. Essa civilização termina com a chegada dos espanhóis no século XVI.

ASTECAS: Habitavam terras do atual México. Economia agrícola. Utilizavam processos de irrigação. Tenochtitlán era a capital política e religiosa do Império Asteca, na qual foi construída sobre uma ilha no lago Texcoco. Acreditavam que os governantes eram representantes dos deuses. Viviam submetidos a chefes guerreiros. Possuía ruas largas, palácios, mercados, escolas, jardins e templos em forma de pirâmide. Foram conquistados pelos espanhóis em 1519. Num primeiro momento foi pacífico, mas depois, com discórdias, Montezuma, imperador dos astecas, foi preso e aí os espanhóis foram atacados e os mesmos conseguiram fugir, mas depois voltaram e mataram o novo imperador, Guatimozin e outras pessoas, acabando assim o Império Asteca.

Matemática: Polinômios.

Polinômios são expressões algébricas que possuem monômios.

Alguns polinômios tem nomes específicos.

Monômio: tem um só termo. Exemplo: 5x

Binômio: possui dois termos. Exemplo: z - 2x

Trinômio: possui três termos. Exemplo: 50x + 25y + 5

Os polinômios com mais de três termos não tem nomes específicos.

Você pode reduzir os termos semelhantes. Veja:

y² + xy + 2xy + 4y² + 5xy =

y² + 4y² + xy + 2xy + 5xy = 

5y² + 8xy

EXERCÍCIOS:

1) Escreva o polinômio que representa x dezenas + y unidades.

2) Reduza: 5y + 4y³ - 1 + 2y² - y³ - y + 7y² - 1.


sexta-feira, 21 de julho de 2017

Literatura: Lima Barreto

Em 2017, Lima Barreto vai ser o homenageado da FLIP (Festa Literária Internacional de Paraty). Então é o momento oportuno de conhecermos um pouco sobre esse autor.

Nome Completo: Afonso Henriques de Lima Barreto.
Nascimento: Rio de Janeiro - 13 de maio de 1881.
Falecimento: Rio de Janeiro - 01º de novembro de 1922.
Foi jornalista e escritor. 
Era filho de escravos.  
Presenciou a assinatura da Lei Áurea, que "aboliu" a escravidão no Brasil.
Crítico da Primeira República do Brasil.
Publicou romances, sátiras, contos e crônicas.
Movimento modernista e pós-modernista.
Em sua obra, de temática social, privilegiou os pobres, os boêmios e os arruinados, assim como a sátira que criticava de maneira sagaz e bem-humorada os vícios e corrupções da sociedade e da política.

OBRAS:
  • 1909 - Recordações do Escrivão Isaías Caminha
  • 1911 - Triste Fim de Policarpo Quaresma
  • 1912 - As Aventuras do Dr. Bogoloff
  • 1915 - Numa e a Ninfa
  • 1919 - Vida e Morte de M. J. Gonzaga de Sá
  • 1920 - Histórias e Sonhos
  • 1923 - Os Bruzundangas
  • 1923 - Bagatelas
  • 1948 - Clara dos Anjos (póstumo)
  • 1953 - Diário Íntimo
  • 1953 - Feiras e Mafuás
  • 1953 - Marginália
  • 1953 - Vida Urbana
  • 1956 - Cemitério dos Vivos (póstumo e inacabado)
  • 1956 - Coisas do Reino de Jambon
  • 1956 - Impressões de Leitura
  • 1956 - Correspondência (2 volumes)
  • 1995 - Crônicas escolhidas Lima Barreto (Folha de S.Paulo - Editora Ática)
  • 1997 - O Subterrâneo do Morro do Castelo (originalmente publicado em textos dispersos pelo Correio da Manhã, em 1905. Organizado e publicado pela primeira vez pela Dantes Editora, em 1997)
  • 2016 - Sátiras e outras subversões: textos inéditos. Organização de Felipe Botelho Corrêa.
  • 2017 - Sátiras de um homem morto.

domingo, 9 de julho de 2017

Português: Sílabas e classificações.

Sílaba Tônica: sílaba mais forte de uma palavra.

Sílabas Átonas: são as sílabas que não são tônicas.

Classificação das sílabas quanto ao número de sílabas.

MONOSSÍLABA: uma sílaba. Exemplos: já, sei, sou, mal, bem, oi, céu, só, luz, lá, de, um, não, ...

DISSÍLABA: duas sílabas. Exemplos: jantar, alvo, papel, louça, raiz, mesa, cola, vivo, aula, ilha, barco, ...

TRISSÍLABA: três sílabas. Exemplos: janela, tomada, caderno, profissão, celular, retrato, estamos, ...

POLISSÍLABAS: quatro ou mais sílabas. Exemplos: televisão, computador, apartamento, constituição, impressora, conjuntivite, ...

Classificação das sílabas quanto a posição da sílaba tônica.

OXÍTONA: quando a sílaba forte (tônica) for a última. Exemplos: café, raiz, pé, ilusão, papel, ...

PAROXÍTONA: quando a sílaba forte for a penúltima. Exemplos: roupa, retrato, cachorro, mesa, rastro, ...

PROPAROXÍTONA: quando a sílaba forte for a antepenúltima. Toda palavra proparoxítona é acentuada. Exemplos: ônibus, mágico, espetáculo, público, ...

quarta-feira, 7 de junho de 2017

Dica TMN: Atualidades, Cultura, Religião também caem provas.

Uma dica que eu dou é de que atualidades e conhecimentos gerais costumam e muito cair em provas de concursos, vestibulares e até mesmo no ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio).

Eu possuo outros blogs que abordam esses assuntos.

Para notícias, atualidades e conhecimentos gerais, você pode verificar no blog http://tmnnoticias.blogspot.com

Para assuntos religiosos, no blog http://tmnreligiao.blogspot.com

E para conhecer diversas culturas, como capoeira, folia de reis, caiçara, cultura indígena, artes marciais, cultura negra, festas juninas e inúmeras outras confira no blog http://tmncultura.blogspot.com

Vale a pena conferir!!!

quinta-feira, 1 de junho de 2017

Exercício de Português: Letras e Fonemas.

1) Diga quantas letras e quantos fonemas possui cada palavra.

táxi - 
boxe -
samba - 
baú - 
explosão - 
ascensorista - 
atóxico - 
hoje - 
floricultura - 
bombom -
hotel -