Pesquisar este blog

terça-feira, 29 de abril de 2014

26 DE ABRIL - 1º MISSA NO BRASIL

NO DIA 26 DE ABRIL DE 1500 FOI REALIZADA A PRIMEIRA MISSA NO BRASIL.
O SACERDOTE FREI HENRIQUE SOARES DE COIMBRA, REZOU UMA MISSA RENDENDO GRAÇAS AO "DESCOBRIMENTO".

terça-feira, 22 de abril de 2014

22 DE ABRIL - CHEGADA DOS PORTUGUESES AO BRASIL

NO DIA 22 DE ABRIL DE 1500, OU SEJA HÁ 514 ANOS ATRÁS, OS PORTUGUESES CHEGARAM AO BRASIL. 
SÓ QUE QUANDO ELES CHEGARAM AQUI, OS ÍNDIOS JÁ VIVIAM AQUI. PORTANTO, NÃO FORAM OS PORTUGUESES QUE DESCOBRIRAM O BRASIL. NÃO FOI PEDRO ÁLVARES CABRAL QUE DESCOBRIU O BRASIL, ATÉ PORQUE ELE NÃO ESTAVA SOZINHO, ELE ERA COMANDANTE DA ESQUADRA. SE ELE ERA COMANDANTE DA ESQUADRA, TINHA MAIS PESSOAS COM ELE.
ALGUNS ANOS DEPOIS, OS PORTUGUESES ACABARAM TRANSFORMANDO OS INDÍGENAS EM ESCRAVOS, TROUXERAM AS DOENÇAS DOS BRANCOS, NA QUAL OS ÍNDIOS NÃO TINHA DEFESA PARA ESSAS DOENÇAS, MATANDO VÁRIOS DELES.

segunda-feira, 21 de abril de 2014

21 DE ABRIL- FUNDAÇÃO DE BRASÍLIA E TIRADENTES

NA HISTÓRIA DO BRASIL,  HOJE, TEMOS UMA DATA IMPORTANTE POR DOIS MOTIVOS:

1º) FUNDAÇÃO DE BRASÍLIA: BRASÍLIA, A CAPITAL DO BRASIL, FOI FUNDADA EM 21 DE ABRIL DE 1960 NO GOVERNO JUSCELINO (JK). FOI UMA CIDADE PLANEJADA PELO ARQUITETO OSCAR NIEMEYER.

2º) TIRADENTES: NESTE DIA NO ANO DE 1792, JOAQUIM JOSÉ DA SILVA XAVIER, O TIRADENTES, FOI MORTO POR SER LÍDER DE UM MOVIMENTO CHAMADO INCONFIDÊNCIA MINEIRA, QUE QUERIA A INDEPENDÊNCIA DO BRASIL, DEVIDO A DERRAMA (COBRANÇA DE IMPOSTOS ATRASADOS). TIRADENTES FOI TRAÍDO POR JOAQUIM SILVÉRIO DOS REIS QUE O ENTREGOU AO GOVERNO PORTUGUÊS EM TROCA DE LIVRAR-SE DE SUAS DÍVIDAS.

sábado, 19 de abril de 2014

19 DE ABRIL - DIA DO ÍNDIO

DIA 19 DE ABRIL, COMEMORAMOS O DIA DO ÍNDIO.
TODO DIA ERA DIA DO ÍNDIO, AGORA ELES SÓ TÊM O DIA 19 DE ABRIL.
ISSO ACONTECEU QUANDO OS PORTUGUESES CHEGARAM AO BRASIL NO ANO DE 1500.
OS ÍNDIOS FORAM OS PRIMEIROS HABITANTES DO BRASIL.

OS ÍNDIOS VIVEM BASICAMENTE DA CAÇA, DA PESCA E DA COLETA DE FRUTOS.PRODUZEM UTENSÍLIOS DE CERÂMICA, FLAUTAS, ARCOS, FLECHAS, TAMBORES, ETC.
OS HABITANTES DO BRASIL SÃO CHAMADOS GENERICAMENTE DE AMERÍNDIOS OU ÍNDIOS AMERICANOS. ÍNDIOS FOI O NOME DADO POR CRISTÓVÃO COLOMBO, POIS ACREDITAVA TER CHEGADO ÁS ÍNDIAS NO ANO DE 1492.

DURANTE MUITO TEMPO, OS ÍNDIOS FORAM VISTOS APENAS COMO SERES EXÓTICOS (DIFERENTES), QUE ANDAVAM NUS, COM O CORPO PINTADO, VIVENDO DE FORMA LIVRE, AMANTES DA NATUREZA. POR ISSO, NA IMAGINAÇÃO DE MUITAS PESSOAS, CRIOU-SE A IDEIA DE QUE TODO ÍNDIO É IGUAL. MAS ISSO NÃO CORRESPONDE À REALIDADE. HAVIA DIVERSIDADE DE PRÁTICAS CULTURAIS E ETNIAS ENTRE OS POVOS INDÍGENAS.

NO INÍCIO DO SÉCULO XVI, HAVIA CERCA DE 3 MILHÕES DE INDÍGENAS NO BRASIL, OCUPANDO ÁREAS GEOGRAFICAMENTE ESTABELECIDAS NO TERRITÓRIO, DE ACORDO COM OS GRUPOS A QUE PERTENCIAM. JÊ OU TAPUIA, ARUAK OU NUARUAQUE, KARIB OU CARAÍBA E TUPI-GUARANI ERAM OS NOMES DOS PRINCIPAIS GRUPOS OU ETNIAS INDÍGENAS DO BRASIL NAQUELA ÉPOCA. ESSAS ETNIAS, POR SUA VEZ, ERAM COMPOSTAS DE DIFERENTES TRIBOS: TUPINIQUINS, TUPINAMBÁS, TAMOIOS, GOITACÁS, CAIAPÓS, AIMORÉS, BOTOCUDOS, ETC.

OS TUPI-GUARANIS ERAM OS POVOS QUE DOMINAVAM A MAIOR PARTE DO TERRITÓRIO BRASILEIRO E OS PRIMEIROS A ENTRAR EM CONTATO COM OS PORTUGUESES. POR ISSO, HOUVE UMA TENDÊNCIA A SE ASSOCIAR A CULTURA INDÍGENA APENAS A CULTURA TUPI-GUARANI. CADA UM DOS POVOS INDÍGENA TINHA LÍNGUA PRÓPRIA, ASSIM COMO CONHECIMENTOS, HÁBITOS E COSTUMES E CONCEPÇÕES DE MUNDO DIFERENTES ENTRE SI. ALGUMAS TRIBOS ERAM NÔMADES E VIVIAM DA CAÇA E DA COLETA; OUTROS ERAM SEDENTÁRIOS E PRATICAVAM A AGRICULTURA. É IMPORTANTE RESSALTAR QUE, EMBORA NÃO HOUVESSE UMA CULTURA INDÍGENA PADRÃO, EXISTIAM TRAÇOS CULTURAIS COMUNS ENTRE OS VÁRIOS POVOS INDÍGENAS BRASILEIROS.

18 DE ABRIL - DIA DO LIVRO INFANTIL

COMEMORADO EM 18 DE ABRIL, O DIA NACIONAL DO LIVRO INFANTIL TEM ESSA DATA DEVIDO AO NASCIMENTO DE UM DOS PRINCIPAIS ESCRITORES DE LITERATURA INFANTIL DO BRASIL: MONTEIRO LOBATO. ELE CRIOU AVENTURAS COM FIGURAS BEM BRASILEIRAS, RECUPEROU OS COSTUMES E LENDAS DO FOLCLORE NACIONAL ALÉM DISSO, O ESCRITOR MISTUROU TODOS ELES COM ELEMENTOS DA LITERATURA UNIVERSAL, DA MITOLOGIA GREGA, DOS QUADRINHOS E DO CINEMA.
COMO DISSE O PRÓPRIO ESCRITOR, DEMONSTRANDO A IMPORTÂNCIA QUE DAVA À LEITURA, "UM PAÍS SE FAZ COM HOMENS E COM LIVROS".
ENTRE AS PRINCIPAIS OBRAS DO MONTEIRO LOBATO PARA O PÚBLICO INFANTIL ESTÃO: REINAÇÕES DE NARIZINHO, CAÇADAS DE PEDRINHO, MEMÓRIAS DA EMÍLIA E O PICA-PAU AMARELO.

MONTEIRO LOBATO

domingo, 13 de abril de 2014

HINO DO BRASIL

LETRA: Joaquim Osório Duque Estrada
MÚSICA: Francisco Manoel da Silva.

I
Ouviram do Ipiranga as margens plácidas
De um povo heróico o brado retumbante
E o sol da Liberdade, em raios fúlgidos
Brilhou no céu da Pátria nesse instante
Se o penhor dessa igualdade
Conseguimos conquistar com braço forte
Em teu seio, ó Liberdade
Desafia o nosso peito a própria morte!
Ó Pátria amada
Idolatrada
Salve! Salve!
Brasil, um sonho intenso, um raio vívido
De amor e de esperança à terra desce
Se em teu formoso céu, risonho e límpido
A imagem do Cruzeiro resplandece
Gigante pela própria natureza
És belo, és forte, impávido colosso
E o teu futuro espelha essa grandeza
Terra adorada
Entre outras mil
És tu, Brasil
Ó Pátria amada!
Dos filhos deste solo és mãe gentil
Pátria amada
Brasil!
II
Deitado eternamente em berço esplêndido
Ao som do mar e à luz do céu profundo
Fulguras, ó Brasil, florão da América
Iluminado ao sol do Novo Mundo!
Do que a terra mais garrida
Teus risonhos, lindos campos têm mais flores
"Nossos bosques têm mais vida"
"Nossa vida" no teu seio "mais amores"
Ó Pátria amada
Idolatrada
Salve! Salve!
Brasil, de amor eterno seja símbolo
O lábaro que ostentas estrelado
E diga o verde-louro desta flâmula
- Paz no futuro e glória no passado
Mas, se ergues da justiça a clava forte
Verás que um filho teu não foge à luta
Nem teme, quem te adora, a própria morte
Terra adorada
Entre outras mil
És tu, Brasil
Ó Pátria amada!
Dos filhos deste solo és mãe gentil
Pátria amada
Brasil!

segunda-feira, 7 de abril de 2014

CURIOSIDADES: PERÍODO DAS GRANDES NAVEGAÇÕES

 - POR VOLTA DO SÉCULO XV, OS PORTUGUESES JÁ NAVEGAVAM NOS MARES INTERNOS, COMO O MAR MEDITERRÂNEO, MAS AS EMBARCAÇÕES ERAM RUDIMENTARES E ELES AINDA NÃO TINHAM TECNOLOGIA DESENVOLVIDA PARA NAVEGAR EM OCEANOS.

 - ATÉ O SÉCULO XV, O DESEJO DE EXPLORAR E CONHECER O QUE HAVIA DO OUTRO LADO DO MAR AGUÇAVA A IMAGINAÇÃO DOS EUROPEUS.

 - O OCEANO ATLÂNTICO ERA CONHECIDO COMO MAR TENEBROSO. OS EUROPEUS ACREDITAVAM QUE HAVIAM SEREIAS NO OCEANO QUE ARRASTAVAM EMBARCAÇÕES PARA O FUNDO, QUE PEIXES VOAVAM, QUE HOMENS DEFORMADOS SE ALIMENTAVAM DE SERES HUMANOS (CANIBAIS).

 - ACREDITAVA-SE QUE DAVA AZAR PARTIR EM UMA SEXTA-FEIRA. TAMBÉM ERA MOTIVO DE RISCO E AZAR OLHAR FIXAMENTE PARA AS ONDAS DO MAR DURANTE A NOITE.

 - INSTRUMENTOS DE NAVEGAÇÃO UTILIZADOS PELOS NAVEGADORES NOS SÉCULOS XV E XVI ERAM: BÚSSOLA, ASTROLÁBIO, BALESTILHA E QUADRANTE.

 - PARA NAVEGAR EM OCEANOS ABERTOS, OS PORTUGUESES DESENVOLVERAM UMA EMBARCAÇÃO LEVE E FÁCIL DE MANOBRAR: A CARAVELA.

HISTÓRIA: O PERÍODO DAS GRANDES NAVEGAÇÕES (Continuação)

ALGUNS ANOS ANTES DA CHEGADA DOS PORTUGUESES AO BRASIL, POVOS EUROPEUS, COMO OS PORTUGUESES E OS ESPANHÓIS, COMEÇARAM A FAZER AS PRIMEIRAS VIAGENS PELO OCEANO ATLÂNTICO.
FOI NESSA ÉPOCA, CONHECIDA CO O PERÍODO DAS GRANDES NAVEGAÇÕES, QUE OS PORTUGUESES CHEGARAM AO BRASIL.
NO PERÍODO DAS GRANDES NAVEGAÇÕES, O COMÉRCIO ERA A PRINCIPAL ATIVIDADE ECONÔMICA DA EUROPA.
NO SÉCULO XV, AS PARTES CONHECIDAS PELOS EUROPEUS ERAM: TODA A EUROPA, PARTE DA ÁFRICA E PARTE DA ÁSIA.
OS PRODUTOS COMERCIALIZADOS VINHAM DE UMA REGIÃO CHAMADA DE ÍNDIAS. NESSA ÉPOCA ERAM MUITO VALORIZADAS AS ESPECIARIAS: CRAVO, CANELA, PIMENTA, GENGIBRE E NOZ-MOSCADA.
ESSES PRODUTOS ERAM VENDIDOS NAS CIDADES DE CONSTANTINOPLA E ALEXANDRIA, AONDE SE CHEGAVA VIAJANDO PELO MAR MEDITERRÂNEO.
COMO GRANDE PARTE DO MAR MEDITERRÂNEO ERA DOMINADA PELAS CIDADES DE GÊNOVA E VENEZA, OS COMERCIANTES VENEZIANOS E GENOVESES CONTROLAVAM TODO O COMÉRCIO COM AS ÍNDIAS.
ESSES COMERCIANTES CARREGAVAM SUAS EMBARCAÇÕES NO ORIENTE E VENDIAM OS PRODUTOS QUE TRAZIAM A OUTROS POVOS EUROPEUS, OBTENDO ASSIM GRANDES LUCROS.
NO ANO DE 1453, OS TURCOS INVADIRAM A CIDADE DE CONSTANTINOPLA E IMPEDIRAM A NAVEGAÇÃO PELO MAR MEDITERRÂNEO.
OS POVOS EUROPEUS, ESPECIALMENTE PORTUGUESES E ESPANHÓIS, SE EMPENHARAM EM DESCOBRIR UM NOVO CAMINHO PARA AS ÍNDIAS.
PORTUGAL FOI O PIONEIRO DAS GRANDES NAVEGAÇÕES, FOI O PRIMEIRO PAÍS A SE LANÇAR AO MAR.